Educação

José Roberto Martins Aguiar

Banda do Exército se apresenta no Cmei Jaime dos Santos

Por Tatiana Moura, postado em 08/10/2019
Fotos Lucas Calazans

Foi ao som do hit "Jenifer", de Gabriel Diniz, e de muitas outras músicas que os alunos do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Jaime dos Santos, em São Geraldo II, caíram na dança na manhã desta terça-feira (08). Isso foi possível graças a mais uma apresentação da banda do Exército por meio do Projeto Banda na Escola.

Além de Gabriel Diniz, o repertório foi composto por Jorge e Mateus, Mano Walter, Anderson Freire, Pharrell Williams e cantigas infantis como Cai, cai balão, Marcha Soldado e Meu Pintinho Amarelinho.

O regente auxiliar, subtenente Valmir Franck de Souza, explica que a escolha do repertório não é tarefa difícil, já que os pequenos sabem as letras de todas as músicas que tocam nas rádios. Vale lembrar que as canções são selecionadas criteriosamente respeitando sempre a faixa etária do público.

A apresentação na unidade pegou a comunidade escolar de surpresa, já que foi antecipada do dia 22 para hoje. “Ficamos muito felizes, fizemos o pedido através de oficio, obtivemos a resposta ontem e foi uma imensa alegria e surpresa, foi um prazer muito grande recebê-los, a apresentação acabou ficando alusiva ao Dia das Crianças”, conta a diretora, Walkiria Vieira.

Desde o início da parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Seme) a banda apresentava-se somente em escolas de ensino fundamental, nesta terça-feira foi a primeira apresentação para crianças da faixa etária entre 3 e 5 anos de idade.

O secretário de Educação, José Roberto Martins Aguiar, explica que a proposta é expandir as apresentações contemplando, de igual forma, a educação infantil. Segundo ele, o feedback das escolas tem sido muito positivo.

“Elas sempre querem mais, porque além do patriotismo e do respeito pela bandeira isso desperta, desde cedo, o gosto pela música. Eu não tenho dúvidas que a arte tem o papel fundamental de transformar a humanidade e, quando a gente pode trazer isso para dentro da escola e fazer uma junção da educação, a arte e a música, a gente percebe que podemos dar uma contribuição muito grande a essas crianças para criar o gosto no momento mais ideal, o da formação”, avalia.

Emoção

Para o cabo Isaías Rouver de Oliveira, baterista da banda, a apresentação foi pra lá de especial, isso porque, uma das crianças da plateia era o filho dele, Benjamin Pereira Rouver, 3, que apesar de muito novo já segue os passos do pai.

“Ele gosta muito de bateria e percussão e o meu outro filho, Bernardo, também já estuda clarinete. Eu incentivo, levo em eventos, aulas. Minha família é toda de músicos, desde o meu avô aos meus irmãos, um deles também faz parte da banda e é trompetista”, conta Isaías. 

banner