] Prefeitura Municipal de Cariacica

Técnicos de Cachoeiro e Itaguaçu visitam Programa Família Acolhedora


No mês de fevereiro a Secretaria de Assistência Social (Semas) recebeu a visita da equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social da Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim para conhecer o Programa Família Acolhedora e, na última sexta-feira (22), foi a vez de uma equipe de Itaguaçu também vir conhecer a iniciativa desenvolvida pela Semas desde 2012.


A secretária de Assistência Social da cidade, Maria Júlia Bortolini Dettmann, veio acompanhada pela subsecretária Luciana Dessabato Coelho Cardoso e por uma equipe do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) composta por coordenação, psicólogo, assistente social e advogado.


As honras da casa foram feitas pelo prefeito Geraldo Luzia e pela assistente social da Semas, Geralda Bruschi, que fez questão de explicar aos colegas cada detalhe do Programa. No momento há 12 famílias habilitadas e seis famílias acolhendo. Os critérios para participar do programa é ser morador de Cariacica por no mínimo dois anos, ter entre 25 e 60 anos, autorização e colaboração de todos os membros da família e ter interesse e disponibilidade para atender ao menor acolhido. Além disso, é preciso encaminhar a Semas toda a documentação exigida. A documentação está disponível em http://www.cariacica.es.gov.br/.


"Foi uma visita bem produtiva, foi bacana a gente passar um pouco do conhecimento que a gente tem e da vivência que a gente aqui em Cariacica para que eles possam implantar esse serviço de acolhimento familiar no município deles também", conta Geralda.


Luciana não poupou elogios ao Programa. "É muito bom, é um programa diferenciado e muito bem organizado pelo município". Na busca por um modelo Cariacica foi a primeira cidade em que a equipe decidiu visitar. "Temos a lei que cria o Programa Família Acolhedora no município, mas estamos buscando capacitação e experiências como a de Cariacica para implantarmos esse ano", completa.


Além de Cachoeiro de Itapemirim e Itaguaçu os municípios de Santa Maria de Jetibá, Marataízes e Guarapari também já demonstraram interesse em conhecer a iniciativa.