Notícias

Crianças participam do Nadando com Down

A piscina do Colégio Castro Alves, em Santana, ficou cheia de verdadeiros “peixinhos”, na manhã deste sábado (21). É que crianças e adolescentes com Síndrome de Down, com idade entre 5 e 16 anos, voltaram a participar das aulas de natação promovidas pelo projeto Nadando com o Down. A ação é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semesp) e o Cariacica Down, retornou às atividades.

As aulas acontecem a cada 15 dias e os alunos são acompanhamentos por professores já experientes em atividades destinadas ao público com necessidades especiais. Além do acompanhante, também participaram da aula de hoje irmãos, primos e amigos do portador de Down, dentro da faixa etária permitida. O objetivo é promover a interação e o desenvolvimento por meio do esporte.

IMG_2362“Por ser o primeiro encontro, separamos as crianças em grupos de cinco para observar o conhecimento delas na natação. Daí, dividimos em níveis: básico, intermediário e avançado”, explicou a professora voluntária Munik Marcela Barbosa Coutinho. Ela é mãe de Mirela, 11 anos, que desde o ano passado participa do projeto. “Acho importante que ela conviva com crianças que também sejam Down. Ela adora esses eventos”, destacou a professora de Educação Física.

IMG_2492Outra que se esbaldou na piscina foi a pequena Irys Guimarães Rocha, 11 anos. “Ela gostou muito da aula de hoje. Minha expectativa é que ela aprenda a nadar e possa ser mais independente na água. O legal é que o nome do programa explica exatamente a ação. Pois, na piscina tinha crianças Down e que não eram Down. A experiência foi ótima”, ressaltou a estudante de Pedagogia, Edi Carla Guimarães, mãe de Irys.

Outra que comemorou os bons resultados do Nadando com Down foi a professora voluntária, Luciana Madeira Coelho. “Essa parceria com a Semesp é muito importante para as crianças, pois promove a inclusão”, conta a professora. “Tenho um filho de 12 anos, o Kauan, que é apaixonado por esse projeto e ele faz questão de vir comigo para ajudar. Na verdade, é uma grande proposta de integração e solidariedade”, frisou Luciana.

 

Confira as imagens:

''

Escrito por

O autor não acrescentou qualquer informação a seu perfil ainda